Alergia aos beta lactamicos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 21 (5184 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Jornal de Pediatria - Página de impressão

20/05/12 12:16

Clique para imprimir esta página

Alergia a beta-lactâmicos na clínica pediátrica: uma abordagem prática Allergy to beta-lactams in pediatrics: a practical approach doi:10.2223/JPED.1558 Nelson A. Rosário, Anete Sevciovic Grumach J Pediatr (Rio J). 2006;82(5 Supl):S181-8: Beta lactâmico, penicilina, cefalosporina, alergia, reação dehipersensibilidade. RESUMO Objetivo: Apresentar uma abordagem prática ao diagnóstico e conduta na alergia a antibióticos beta-lactâmicos. Fontes dos dados: Periódicos da área de alergia indexados nas bases MEDLINE e LILACS, além de estudos e textos clássicos que tratam do tema. Síntese dos dados: A alergia à penicilina é relatada com freqüência, em muitos casos resultando na exclusão dessemedicamento do arsenal terapêutico. Cerca de 10% dos relatos de alergia a drogas são confirmados. As manifestações clínicas decorrentes da reação alérgica à penicilina são bastante amplas, destacando-se os quadros cutâneos. Os quatro mecanismos de hipersensibilidade de Gell & Coombs estão envolvidos nas reações alérgicas. A penicilina é degradada em determinante maior (95% dos produtos) e emdeterminantes menores (5% dos produtos). As reações imediatas, mediadas por IgE, e que determinam quadros de anafilaxia, estão relacionadas aos determinantes menores em 95% dos casos. A hipersensibilidade a esses produtos pode ser avaliada através de testes cutâneos realizados com os determinantes maior e menores, permitindo, assim, evitar o choque anafilático em indivíduos alérgicos. O texto ressaltaconhecimentos básicos sobre a alergia à penicilina, propiciando um diagnóstico mais adequado desse evento e a conduta em casos de suspeita de alergia a beta-lactâmicos. Conclusões: O diagnóstico de alergia à penicilina tem sido feito de forma inadequada, resultando em sua exclusão do arsenal terapêutico. O melhor reconhecimento dessas condições permitirá o uso da penicilina com diminuição dos riscosdecorrentes da hipersensibilidade. Introdução Desde a introdução da penicilina no arsenal terapêutico, há cerca de 60 anos, vários estudos sobre as reações alérgicas e possíveis conseqüências do seu uso têm sido relatados1-3 (Tabela 1). Entre 10 e 20% dos indivíduos hospitalizados referem alergia à penicilina, fato que tem resultado, freqüentemente, na substituição desse medicamento por outrasdrogas, algumas vezes prejudicando o tratamento do paciente4. Exemplos como a sífilis congênita e a febre reumática reforçam a necessidade de se abordar o tema em vista do conhecimento adquirido. Tabela 1 Reações de hipersensibilidade nas alergias a beta -lactâmicos1 Classificação de Gel-Coombs I II Mecanismo Anafilática (IgE-mediada) Exemplos de reações adversas à penicilina

III

Anafilaxia agudaurticária Anemia hemolítica Citólise por complemento Trombocitopenia (IgG/IgM) Nefrite intersticial Doença do soro Lesão por imunoFebre por medicamento complexos Algumas erupções cutâneas e vasculites
Página 1 de 9

http://www.jped.com.br/conteudo/06-82-S181/port_print.htm

Jornal de Pediatria - Página de impressão

20/05/12 12:16

IV

Hipersensibilidade tardia ou mediada por célulasDermatite de contato Erupções morbilliformes

A prescrição e a administração de penicilinas vêm sofrendo sensível diminuição em função de vários fatores, entre os quais o receio de reações alérgicas e as estratégias de propaganda intensiva dos novos antibióticos5-7. Contudo, a maioria das pessoas rotuladas como alérgicas à penicilina pode receber com segurança esse antibiótico; isso porque asensibilização desaparece ao longo do tempo, ou porque a reação pode ter sido confundida com a erupção cutânea de uma virose, ou ainda ter sido uma reação a outro medicamento ingerido com o antibiótico, como antitérmicos ou anti-inflamatórios nãohormonais, comumente prescritos para infecções respiratórias em crianças8. As penicilinas são um grupo de antibióticos de baixíssimo custo e elevada...
tracking img