Aldeamento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2150 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Aldeamento
Um aldeamento é no fundo uma nova vida para todas as crianças que estejam desprotegidas.
Al aldeias SOS tiveram origem na Áustria, o seu fundador foi Hermann Gmeiner, que conseguiu aplicar uma ideia fundamental e realizar um sonho “dar uma mãe, irmãos, irmãs, uma família e um lar às crianças órfãs e abandonadas”, isto respetivamente a 2ºGuerra Mundial.
A primeira aldeia deste tiponasceu em 1949 numa cidade da Áustria (Imst). Em 1964, 15 anos depois, foi fundada a Associação das Aldeias de Crianças SOS Portugal, sendo uma instituição particular de solidariedade social (IPSS), reconhecida como pessoa coletiva de Utilidade Pública. Esta instituição tem como objetivo acolher crianças órfãs, abandonadas ou pertencentes a família de risco que não podem cuidar delas, estainstituição oferece-lhes amor e um lar, numa família, para que se sintam acarinhadas, apoiadas e protegidas, dando-lhes a oportunidade de construir laços familiares duradouros, onde podem também obter formação sólida pode também desenvolver-se de forma saudável até à sua plena autonomia e integração na sociedade.
Em Portugal a primeira aldeia de crianças SOS de Portugal foi inaugurada em 1967 emBicesse, hoje já existem três em Bicesse (Cascais), em Gulpilhares (Vila Nova de Gaia) e na Guarda, onde são acolhidas cerca de 120 crianças e jovens. Existe também em Rio Maior um centro juvenil para os adolescentes que foram criados nas aldeias que frequentam cursos de formação profissional e centro social “Arco - Iris” em Bicesse de apoio às mães SOS reformadas e a pessoas idosas da comunidade.Nestas aldeias acompanha-se as transformações da sociedade, procurando novas soluções para as carências na área social. Atualmente o programa deste tipo de aldeias centram-se sobretudo na resposta às necessidades das crianças e na defesa dos seus direitos. Assim, através do desenvolvimento de Programas de Fortalecimento Familiar, estas aldeias procuram dar condições às famílias para poderem protegerda melhor forma as suas crianças, combatendo o abandono e promovendo a manutenção da família biológica.
A aldeia SOS é membro da SOS Kinderdorf International, sendo uma organização não governamental internacional de ajuda às crianças a nível mundial, ativa na defesa dos direitos da criança desde 1949, hoje é uma associação que esta presente em 132 países e é membro consultivo do ConselhoEconómico e Social das Nações Unidas. Esta associação atua como uma organização de desenvolvimento social independente, onde respeitam as várias religiões e culturas, e trabalha em países e comunidades.
Existem hoje 500 Aldeias de Crianças SOS em todo o mundo, que oferecem um lar a 60.000 crianças. Existe um conjunto de 2.000 instituições SOS como os jardins-de-infância, lares para adolescentes, escolas,centros sociais e médicos.
Portugal
Em Portugal a primeira associação foi fundada em 1964 pela Dra. Maria Correia e Dra. Palmira Matias, contribuiu para esta associação o Dr. Hermann Gmeiner sendo este fundador das aldeias da Áustria. O motivo que levou as duas doutoras a interessarem-se pelo tema foi devido aos problemas sociais que afligiam o país, nomeadamente a situação das crianças queviviam em grande miséria física e moral, nas barracas e bairros degradados.
Entendemos que dar abrigo e alimentação a uma criança é importante, mas não é o suficiente. Uma criança que tenha perdido a sua família precisa de reencontrar um lar, uma mãe adotiva e crescer com os seus irmãos e irmãs num meio ambiente familiar, sendo que é indispensável ao desenvolvimento harmonioso da sua personalidade.E a estas mesmas crianças não basta acolhe-las, dar-lhes alimentação adequada e entrega-las a educadores competentes. É absolutamente indispensável dar-lhes a certeza de que são amadas, pois se a criança não se sentir querida e segura no seu novo ambiente, serão inúteis todas as medidas educativas.
Entendemos que dar abrigo e alimentação a uma criança é importante, mas não é o suficiente. Uma...
tracking img