Alcoolismo no trabalho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2262 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Alcoolismo
SIPAT
Centro educacional
SIPAT
A semana da SIPAT é voltada à prevenção, tanto no que diz respeito a acidentes do trabalho quanto a doenças do trabalho.
A SIPAT é uma das atividades obrigatórias para todas as Comissões Internas de Prevenção de Acidentes (CIPA), devendo ser obrigatoriamente realizada todo ano.
A Legislação da SIPAT está prevista na Portaria nº 3.214, NR-5, item5.16 “Atribuições da CIPA - letra O: “promover, anualmente, em conjunto com o SESMT, onde houver, a Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho - SIPAT”.

Ex jogador Sócrates morre em SP
Sócrates e o álcool
O ex-jogador Sócrates, de 57 anos, faleceu no Hospital Albert Einstein, na Zona Sul de São Paulo. Segundo o hospital, Sócrates morreu em decorrência de um choque séptico, umainfecção generalizada, Sócrates atuou na Seleção Brasileira nas Copas de 1982 e 1986 e é considerado um dos maiores ídolos da história do Corinthians.
Bebida Antes de falecer em entrevista ao Fantástico gravada após ter alta da primeira das três internações no ano de 2011, Sócrates contou como a bebida quase o levou à morte. Ele reconheceu que era dependente de álcool. "É nessas horas que a gentecresce.O ídolo corintiano, do calcanhar inconfundível e formado em medicina, falou abertamente sobre a doença que quase o levou à morte e os problemas com bebida alcoólica. “Eu tenho um ponto cirrótico. É uma lesão que não é tão grave, mas ela está localizada em área hipersensível do fígado. Essa lesão é causada, fundamentalmente, por álcool”, disse Sócrates. *1954 a 2011

Consumo de bebidamata 47 pessoas por dia no Brasil
Levantamento feito pelo Ministério da Saúde contabilizou no ano passado 17.293 mortes associadas às bebidas alcoólicas no país.
A faixa etária, de 50 a 59 anos, que, proporcionalmente, mais brasileiros morrem em decorrência de doenças relacionadas ao uso de álcool.
No ano passado, o Ministério da Saúde registrou 4.844 mortes nessa faixa etária, o que representa26,3 vítimas para cada 100 mil brasileiros.
No Brasil, 90% das internações em hospitais psiquiátricos por dependência de drogas acontecem devido ao álcool.
Alcoolismo
Do ponto de vista médico, o alcoolismo é uma doença crônica, com aspectos comportamentais e sócio econômicos, caracterizada pelo consumo compulsivo de álcool, na qual o usuário se torna progressivamente tolerante à intoxicaçãoproduzida pela droga e desenvolve sinais e sintomas de abstinência, quando a mesma é retirada.
Principais sintomas do alcoolismo
Compulsão:  desejo intenso para ingerir bebidas alcoólicas.
Tolerância: precisa usar uma quantidade maior de álcool para conseguir o mesmo efeito que tinha inicialmente.
Abstinência: síndrome típica e de duração limitada que ocorre quando o uso do álcool éinterrompido ou reduzido drasticamente, levando à agitação, confusão mental, tremores, suor frio, dentre outros sintomas. Dentro deste mesmo princípio, o indivíduo pode passar também a ingerir bebidas alcoólicas para aliviar os próprios sintomas de abstinência


Aumento do tempo empregado em conseguir, consumir ou recuperar-se dos efeitos da substância; abandono progressivo de outros prazeres ouinteresses devido ao consumo do álcool. 
Desejo de reduzir ou controlar o consumo do álcool com repetidos insucessos.
Persistência no consumo de álcool mesmo em situações em que o consumo é contra-indicado ou apesar de provas evidentes de prejuízos, tais como, lesões hepáticas causadas pelo consumo excessivo de álcool, humor deprimido ou perturbação das funções cognitivas (memória e juízo) relacionadasao consumo do álcool.
Abandono ou diminuição de atividades sociais, profissionais e de lazer por causa do uso do álcool

Abuso de álcool no volante
Em cerca de 75% dos acidentes de trânsito com vítimas fatais existe um motorista alcoolizado.
O Brasil está no topo da lista de países com maior número de acidentes de trânsito no mundo, resultando em 300 mil vítimas e 50 mil vítimas fatais, e o...
tracking img