Al 1.2-analise elementar por via seca

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1588 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
AL 1.2 – Análise Elementar por Via Seca

Relatório de Actividade Laboratorial de Física e Química A

Índice

- Objectivo …………………………………………………………………………………..... Pág. 3
- Fundamento …………………………………………………………………………………. Pág. 4
- Esquema de Montagem ………………………………………………………………… Pág. 7
- Observações e Registos ………………………………………………………………… Pág. 8
- Conclusão e Analise crítica deResultados ………………………………….... Pág. 10
- Bibliografia / Sitiografia………………………………………………………………… Pág. 11

Objectivo
Nesta actividade prática pretendíamos realizar um ensaio de chama. O ensaio de chama ou teste de chama é uma experiência que nos permite identificar a cor emitida por um dado catião de um elemento químico.
Apesar de este ser um método simples não nos fornece uma análiserigorosa e completa dos resultados. Para isso, devemos usar um espectroscópio ou comparar ao espectro de emissão do elemento metálico, pois sais de metais diferentes emitem sempre cores diferentes.
Os objectivos a concretizar nesta actividade laboratorial foram:
. Analisar as cores emitidas pelos diferentes elementos químicos utilizados
. Observar a chama daamostra com um espectroscópio e registar as riscas
observadas no espectro
. Comparar o espectro observado com os espectros de referência


Fig1 – Preparação da actividade laboratorial

Fundamento
1-Análise espectral
Sabe-se que os átomos de um dado elemento químico, quando excitados, a partir do seu estado fundamental, o estado deenergia mínima, emitem radiações características ao sofrerem a desexcitação, originando assim um espectro de emissão de riscas, que é característico desse elemento químico.
Esse espectro, característico de cada elemento químico, é sempre o mesmo, quer o elemento esteja isolado quer esteja combinado com outros elementos em diferentes compostos químicos.
O espectro de emissãode riscas de cada elemento pode ser comparado com o espectro que se obtém quando a luz branca atravessa uma amostra vaporizada desse elemento, em que se obtém um espectro de absorção de riscas. Este é o "negativo" do primeiro.
As propriedades dos espectros dos elementos químicos fundamentam um conjunto de técnicas que possibilitam a identificação dos elementos químicos constituintes deum dado composto, por meio da análise dos espectros obtidos, designando-se por análise espectral.
Algumas dessas técnicas requerem que os átomos da amostra em estudo sejam previamente excitados. Este processo de fornecimento de energia pode ser feito por:
- Elevação de temperatura numa chama (análise da chama)
- Descarga eléctrica através de uma amostra no estado gasoso, e a baixapressão, do elemento em estudo.

2-Análise elementar por via seca – teste da chama
Na análise elementar por via seca, a amostra a analisar está no estado sólido. Este ensaio, ou teste, da chama é apenas uma das técnicas de análise elementar por via seca. Na análise por via seca, estão entre os testes mais vulgares os ensaios da chama, utilizados na identificação de elementos metálicosque constituem os sais. Este teste consiste na combustão de determinadas substâncias, que vão dar uma dada coloração à chama. Esta coloração deve-se à volatilização e correspondentes transições electrónicas de determinado elemento químico presente na amostra.
Baseiam-se ainda no facto de os sais, quando sujeitos a elevadas temperaturas, vêem os iões metálicos, catiões, que os constituempassarem do estado fundamental a estados excitados, com a posterior emissão de radiações de cor característica, sob a forma de uma chama colorida.
Este processo explica fenómenos conhecidos tais como as diferentes colorações dos fogos de artifício ou as auroras boreais (Figs 2 e3).
As auroras boreais adquirem na sua constituição certos elementos químicos, pois resultam de...
tracking img