Aividade cardiaca

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1236 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
4.1 Ajustes circulatórios e reguladores locais da pressão arterial.  Existem vários mecanismos reguladores cardiovasculares. Em conjunto, esses mecanismos aumentam o suprimento sanguíneo para os órgãos ativos, mantêm a temperatura e o fluxo sanguíneo para os tecidos, principalmente o coração e o cérebro.

Mecanismos de controlo do fluxo sanguineo

1. Controle agudo: Rápidas variações davasodilatação e da vasoconstricção. - Vasodilatação: O2, CO2, adenosina, histamina, potássio, hidrogênio.


-

Controle a longo prazo: Vascularização tecidual, O2, circulação colateral

Vasoconstrictores: Norepinefrina e epinefrina, angiotensina II, vasopressina, endotelina.  Vasodilatadores: Bradicinina e histamina.


4.2 Mecanismos de regulação a curto prazo da pressão arterial: oreflexo barorreceptor.  É o mais conhecido dos mecanismos nervosos de controle da PA.


Na parede de cada artéria carótida interna, pouco acima da bifurcação carotídea e seio carotídeo e na parede do arco aórtico.




Resposta ortostática.
Quimiorreceptores: O2, CO2 e hidrogênio. No corpo carotídeo e bifurcaçào da carótida.

4.3 Mecanismo de regulação a longo prazo.
 Sistema renal:

Aumento da resistencia vascular periérica:

Aumento do volume dos líquidos: - Elevação líquido extracelular; - Elevação do volume sanguineo; - Pressão média de enchimento da circulação; - Aumenta o retorno venoso; - Aumentando o DC - Aumento da PA.




Sistema renina-angiotensina-aldosterona.

Aumento da ingestão de sal  Aumento do volume extracelular  Aumento da pressãoarterial  Redução da renina e angiotensina  Redução da retenção de sal e água  Retorno do volume esxtracelular praticamente ao normal  Retorno da PA praticamente ao normal.


4.4 Controle e regulação da pressão arterial durante situações especiais.  1 Compensação cardiovascular dos efeitos gravitacionais  2 Regulação da pressão arterial durante o exercício físico.  3 Choquehipovolêmico e de distribuição (baixa resistência).  4 Hipertensão arterial.

Prof. Aldair José Sarmento Silva

FUNCÕES PRIMÁRIAS DO SISTEMA RESPIRATÓRIO


1. Troca de gases entre a atmosfera e o sangue; 2. Regulação homeostática do pH corporal;





3. Proteção contra substâncias irritantes e patógenos; 4. Vocalização



SISTEMA RESPIRATÓRIO
 -

Respiração celular Reaçãointracelular entre moléculas orgânicas e O2 para produzir CO2 + H2O e energia (ATP)

Respiração externa ou pulmonar - Trocas gasosas entre o ar atmosférico e o sangue (quatro processos integrados)


ESTRUTURAS DO SISTEMA RESPIRATÓRIO
1. Sistema de condução; - A ar entra no trato respiratório superior até o trato respiratório inferior. 2. Alvéolos; - Estruturas saculares com função de trocagasosa. 3. Ossos e músculos do tórax que auxiliam a ventilação. - O conjunto de músculos e ossos formam a caixa torácica.

1. SISTEMA DE CONDUÇÃO
Consiste nas passagens nasais, boca, e faringe, laringe, traquéia, brônquios e bronquíolos.





Epitélio pseudoestratificado com células calicifomes.

SISTEMA DE CONDUÇÃO

FOSSAS NASAIS


Filtração do ar – pêlos e cílios Aquecimento doar – capilares sanguíneos Umidificação do ar – glândulas da mucosa





TRATO RESPIRATÓRIO

RAMIFICAÇÃO DAS VIAS AÉREAS

2. ALVÉOLOS


Recobertos por capilares sanguíneos e revestidos por fibras elásticas onde ocorre a hematose. Formados por células epiteliais achatadas:



- Pneumócitos tipo I (céls. epiteliais de revestimento)  - Pneumócitos tipo II (céls. septais:produzem surfactante)




Macrófagos alveolares

2. ALVÉOLOS

3. OSSOS E MÚSCULOS
Músculos Inspiratórios - Intercostais externos - Esternocleidomastóides - - Escalenos


• Músculos Expiratórios - Músculos abdominais - Intercostais internos

INTERAÇÃO DO SIST. CIRCULATÓRIO E SIST. RESPIRATÓRIO

LEI DOS GASES


Pressões parciais dos gases



Lei de Dalton - O ar tem 78%...
tracking img