Aidip

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 45 (11059 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
QUADROS DE PROCEDIMENTOS
FCH/CA/OPS/07.5.1.P

AIDPI NEONATAL
para estudantes

Manual

FCH/CA/OPS/07.5.1.P

ATENÇÃO INTEGRADA ÀS DOENÇAS PREVALENTES NA INFÂNCIA

Manual AIDPI Neonatal para estudantes
QUADROS DE PROCEDIMENTOS

PR

PR

O

S A LU

T

O

S A LU

T

E
P A H O

E
P A H O

O P S

O P S

O

VI MU ND

O

VI MU ND

PR

PR

O P S

II

N

N

I

O

S A LU

T

O

S A LU

P A H O

I
T

E

E
P A H O

O P S

O

VI MU ND

O

VI MU ND

N

N

Organização Pan-Americana da Saúde Manual AIDPI Neonatal para estudantes. Quadros de procedimentos Washington, D.C.: OPAS, © 2007. (Serie OPS/FCH/CA/07.5.1.P) ISBN 92 7 572632 9I. Título II. Serie III. 1. ATENÇAO INTEGRADA DE CASOS 2. RISCOS AO NASCER3. DESENVOLVIMENTO 4. TÉCNICAS DE COMUNICAÇAO NLM WA 320

FCH/CA/OPS/07.5.1.P © Organização Pan-Americana da Saúde A Organização Pan-Americana da Saúde irá considerar de modo muito favorável as solicitações de autorização para reproduzir ou traduzir, integralmente ou em parte, esta publicação. As solicitações deverão ser encaminhadas à Área de Saúde da Criança e do Adolescente, Unidade Técnica deSaúde Familiar e Comunitária, Atenção Integrada às Doenças Prevalentes da Infância - AIDPI. Pan American Health Organization 525 Twenty-third Street, N.W. Washington, D.C., 20037 As denominações usadas nesta publicação e o modo de apresentação dos dados não fazem pressupor, por parte da Secretaria da Organização Pan-Americana da Saúde, juízo algum sobre a consideração jurídica de nenhum dospaíses, territórios, cidades ou áreas citados ou de suas autoridades, nem a respeito da delimitação de suas fronteiras. A menção de determinadas sociedades comerciais ou nome comercial de certos produtos não implica a aprovação ou recomendação por parte da Organização Pan-Americana da Saúde com preferência a outros análogos.

Indice

AVALIAR E DETERMINAR O RISCO DURANTE A GRAVIDEZ QUE AFETA O BEMESTAR FETAL . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .1 PROCEDIMENTOS DE ATENÇÃO IMEDIATA AO RECÉM-NASCIDO Avaliar a necessidade de reanimação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .2 Avaliar o risco ao nascer . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .3 AVALIAR E CLASSIFICAR A CRIANÇA DE 0 A 2 MESES DE IDADE Determinarse há doença grave ou infecção local . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .4 Em seguida, verificar se a criança tem diarréia . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .5 Depois avaliar o estado nutricional . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .6 Verificar o desenvolvimento da criança menor de 2 meses de idade. . . . . . . . .7 Verificar os antecedentes de vacinação .. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .8 TRATAR O MENOR DE 2 MESES DE IDADE E ACONSELHAR A MÃO OU O ACOMPANHANTE Normas da estabilização antes e durante o transporte da criança . . . . . . . . . . .9 Dar a primeira dose de antibiótico por via intramuscular . . . . . . . . . . . . . . . . 10 Dar acetomenofen para febre alta . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .. . . 11 Dar nistatina para candidíase . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11 Tratar a criança para evitar que baixe a concentração de açúcar no sangue . . . . . 11 Cuidados rotineiros do recém nascido . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 12 Plano A e Plano C para o tratamento da diarréia . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 13 Ensinara mãe a tratar as infecções localizadas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 14 Ensinar a posição e a pega correta para a amamentação . . . . . . . . . . . . . . . . 15 Ensinar a mãe medidas preventivas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 15

Ensinar a mãe quando deve retornar a consulta de acompanhamento ou de IMEDIATO . . . . . . . . . . . . . . . . . ....
tracking img