Agua e seus derivados

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1273 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Página 2 A. IMUNIZAÇÃO: DESAFIOS E PERSPECTIVAS

Antecedentes 1. No 50º Conselho Diretor da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) foi apresentado o documento conceptual Fortalecimento dos programas de imunização (CD50/14 [2010]), aprovado por meio da Resolução CD50.R5, na qual são reiterados os importantes avanços obtidos na matéria na Região e instando os Estados Membros a que ratifiquemos programas nacionais de vacinação como um bem público, bem como reiterem a visão e a Estratégia Regional de Imunização para manter os resultados, completem a agenda inconclusa e façam frente aos novos desafios. Pede-se, também, que continuem respaldando o Fundo Rotatório para a Compra de Vacinas da OPAS. Avanços A cobertura da vacinação no plano regional se encontra entre as mais altas do 2.mundo. Para a região das Américas, em 2009, a Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) estimaram coberturas de 94% para a BCG, de 91% para a VOP3 e de 92% para a DPT3, em menores de um ano, e 93% para o vacina SRP, em crianças de um ano. No entanto, para a DTP3, 10 países informaram alcances nacionais de menos de 90%, e 43% dos municípios na AméricaLatina e do Caribe relataram um alcance menor do que 95%. Manter os Resultados 3. Em nossa Região, não foram registrados casos da poliomielite por poliovírus selvagem desde 1991. Desde 2002, não há casos de sarampo autóctone e, desde 2009, não tem havido rubéola autóctone nem casos de síndrome de rubéola congênita. Em 2010, foram notificados 63 casos de sarampo importados de outras regiões do mundo e190 casos relacionados com importações. Os surtos de sarampo na Argentina e no Brasil, em 2010, estiveram relacionados com pessoas que assistiram à Copa do Mundo de Futebol na África do Sul. 4. Ante a reintrodução da poliomielite em países livres da doença, em outras regiões do mundo, e da importação de casos de sarampo, em 2010, todos os Estados Membros analisaram o risco de reintrodução destasdoenças, a capacidade de detectar oportunamente o aparecimento de casos ou a reintrodução dos vírus, e a capacidade de deter oportuna e contundentemente o aparecimento de casos secundários. 5. A vacinação contra o Haemophilus Influenzae de tipo b (Hib) permitiu diminuir de maneira drástica o número de casos e hospitalizações por este motivo e se estão reforçando

CD51/INF/5 (Port.) Página 3 asmedidas que permitem avaliar o efeito de tal vacina. É possível que muitos países já tenham eliminado as doenças invasivas causadas pelo Hib. Completar a Agenda Inconclusa 6. Como parte dos programas de vacinação dos Estados Membros, o uso da vacina contra a gripe sazonal vem aumentando; 36 países e territórios já aplicam a vacina contra a gripe sazonal. Com base nos ensinos extraídos de vacinaçãocontra a gripe pandêmica H1N1 2009, o enfoque da vacinação dirigida a grupos de risco tem sido muito importante, em especial nas grávidas. 7. A vacinação contra a febre amarela foi mantida como uma prioridade nos Estados Membros, onde a doença é enzoótica. Em 2010, esta vacinação foi afetada pela baixa da oferta da vacina por parte dos produtores. Esta situação começou a ser corrigida em 2011 eespera-se que os Estados Membros fiquem em dia com a vacinação de suas populações de risco. 8. Cada Estado Membro elaborou um plano de ação para conseguir ou manter uma cobertura de vacinação maior ou igual a 95%, no nível municipal, bem como para fortalecer a vigilância epidemiológica. Neste esforço, tem sido fundamental o apoio técnico e financeiro da Agência Canadense para o DesenvolvimentoInternacional (ACDI) e dos Centros para Prevenção e Controle de Doenças dos Estados Unidos (CDC). 9. A Semana de Vacinação nas Américas (SVA) representa uma oportunidade para manter o tema da vacinação na agenda política e social dos países, e alcançar as populações vulneráveis ou de difícil acesso. Em 2011, se realiza a 9ª SVA com o lema “Vacina à sua família, protege sua comunidade”. Outras quatro...
tracking img