Agua dura

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2035 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
RESUMO

Pesquisa feita com o intuito de mostra a diferença entre água dura e água mole e foi verificado que não dá para se obter espuma

A água dura consiste primeiramente cálcio (CA2+), e magnésio (Magnésio2+) metal cations, e às vezes outros compostos dissolvidos como bicarbonatos e sulfates. O cálcio entra geralmente na água como ou o carbonato decálcio (CaCO3), no formulário de pedra calcária e giz, ou sulfate de cálcio (CaSO4), no formulário de outros depósitos minerais. A fonte predominant do magnésio é dolomite (CaMg (CO3)2). A água dura não é geralmente prejudicial.em água dura,conforme experimento.

1. Introdução
O título deste texto não é nenhuma alusão ao famoso provérbio "água mole em pedra dura". Embora pareçaestranho, quimicamente a água é classificada como mole ou dura, embora isso não modifique significativamente as propriedades físicas da água como, por exemplo, viscosidade ou compressibilidade, fatores que poderiam sugerir sua "dureza".
A dureza da água é composta de duas partes, a dureza temporária e a dureza permanente. A dureza temporária é gerada pela presença de carbonatos ebicarbonatos, que podem ser eliminadas por meio de fervura da água. A dureza permanente é devida a cloretos, nitratos e sulfatos, que não são susceptíveis à fervura.
À somatória da dureza temporária e permanente dá-se o nome de "Dureza Geral" (ou total) da água
Nessa pesquisa,mostraremos em todos os detalhes a diferença entre água mole e águadura.

2. Desenvolvimento
Sabemos que existem sais solúveis e sais insolúveis em água. Sabe também que um sal solúvel, ao se dissolver na água, libera íons, como representado abaixo pela dissolução do carbonato de cálcio:Esses íons presentes na água podem eventualmente se combinar com outros íons formando sais insolúveis. Tente entender com a seguinte situação: temos duas soluções aquosas: (A) cloreto de sódio e (B) nitrato de prata:



Ao misturarmos as soluções (A) e (B) teremos as seguintes combinações possíveis: Na+ com Cl- (solúvel), Na+ com NO3- (solúvel), Ag+ com NO3- (solúvel) e Ag+com Cl- (insolúvel).
2.1 Solução de minerais

A água que chega até nossas casas, ou às indústrias e até a água captada diretamente de uma nascente é uma solução de vários minerais que se dissolvem na água pela sua passagem pelo solo e encanamentos.

Esses minerais quase que em sua totalidade sais, não comprometem o uso doméstico da água, mas, em algumassituações, normalmente quando ricas em sais de cálcio e magnésio, podem formar alguns sais insolúveis desses cátions e provocar incrustações e entupimentos das tubulações.

Além disso, a formação desses sais dificulta ou até impede a formação de espumas, dificultando a ação de detergentes e sabões. Nestes casos temos a chamada água dura.
2.2 Classificação da dureza daágua

A dureza da água é definida em termos da concentração dos cátions cálcio e magnésio - geralmente acompanhados dos ânions carbonato, bicarbonato, cloreto e/ou sulfeto. Em concentrações acima de 150mg/L, água é classificada como dura. Teores entre 150 e 75mg/L, como moderadas e, abaixo de 75mg/L é chamada de água mole.

A rigor, a água é uma substância pura, mas amaioria das águas com que nos defrontamos na prática são, de fato, soluções aquosas.

2.3 Medição
A dureza da água é medida geralmente com base na quantidade de Partes por milhão de Carbonato de Cálcio CaCO3, também representada como mg/l de Cálcio CaCO3. Quanto maior a quantidade de "ppm", mais "dura" será considerada a água.
Existem ainda outras unidades...
tracking img