Agricultura no brasil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1356 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
AGRICULTURA NO BRASIL

JI-PARANÁ
2012

SUMÁRIO

Introdução__________________________________________________________ 04
Agricultura no Brasil__________________________________________________ 05
Início da Agricultura Brasileira__________________________________________ 05
Principais Produtos da Agricultura Brasileira_______________________________ 06
AgriculturaFamiliar___________________________________________________ 06
Agricultura Orgânica__________________________________________________ 06
Agricultura e os Impactos Ambientais_____________________________________ 06
Conclusão___________________________________________________________ 08
Bibliografia__________________________________________________________ 09

INTRODUÇÃO

A agricultura sempre existiu e sempre foi muitoimportante para o pais. Foi iniciada antes mesmo da colonização do Brasil pelos nativos da região, que só cultivavam produtos para seu próprio consumo. Logo após a colonização do Brasil, surgiu a monoagricultura, que nada mais era do que o cultivo de um único produto, fazendo com que a economia do pais dependesse em grande parte desse produto, que já foi o café, cana-de-açúcar, entre outros.
Hoje,o pais tem grande diversificação na produção de produtos orgânicos. Um grande contribuinte pra isso, é a agricultura familiar, que é feita muitas vezes na própria residência da família e só conta com a ajuda dos mesmos.

AGRICULTURA NO BRASIL
Desde os primórdios da colonização, o Brasil vem expandindo sua vocação agrícola, tornando-a um dos principais meios econômicos do país, com possibilidadede expansão e melhoria da qualidade de seus produtos.
INÍCIO DA AGRICULTURA BRASILEIRA
Inicialmente a agricultura era praticada pelos nativos no cultivo da mandioca, amendoim, tabaco, batata- doce e o milho, além da extração vegetal de outros cultivos da natureza local, como exemplo, o babaçu e frutas já existentes como a jabuticaba, o caju, cajá, goiaba e muitas outras. Para fazer a abertura deaceiros para o cultivo, os indígenas usavam as queimadas. Essas queimadas eram a forma mais rápida de “limpar” o terreno, e usar as cinzas como adubo. Nesta época, as queimadas e o meio ambiente eram equilibrados.
Após a colonização do Brasil, em 1500,a agricultura brasileira baseava-se na monocultura da cana- de- açúcar, sendo que a economia brasileira dependia, grande parte, da exportação doaçúcar. Essa dependência de uma só cultura durou muitas décadas, porém veio a declinar na segunda metade do século XVII, forçando o cultivo de novos produtos como o algodão, o tabaco e o cacau.
Na cultivação destes produtos a mão de obra escrava era indispensável, já que o trabalho indígena, tentado anteriormente pelos colonos, não se revelou produtivo. O trabalho escravo teve um marco importantedurante a construção do Brasil, Antonil à expressa da seguinte forma: “os escravos são as mãos e os pés do senhor de engenho, por que sem eles, no Brasil, não seria possível fazer, conservar ou aumentar fazendas, nem ter engenho corrente.” Os escravos foram responsáveis pela abertura das novas fronteiras agrícolas, fazendo com que na metade do II Reinado, o país respondesse por metade da produçãomundial no ramo cafeeiro, substituindo o papel anteriormente ocupado pela cana- de- açúcar.
Ao final do período colonial, o país começou a investir em um novo produto: o café. Após a independência do Brasil a produção do café se firmou na região Sudeste. O cultivo do café foi tão promissor que nas décadas de 1880 e 1890 foi de 19% para aproximadamente 63% do total da exportação do país, dandoorigem aos chamados Barões do Café, aumentando o fluxo de imigração (período chamado de café- com- leite), com a chegada de italianos no país, acentuando a imigração européia. A riqueza gerada pelo café acentuou as diferenças entre as regiões brasileiras, especialmente no Nordeste.
Além do café, outras culturas tiveram crescimento ainda no século XIX, como o cacau e o fumo (Bahia), borracha...
tracking img