Agravo nos proprios autos

EXCENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR DESEMBARGADOR RELATOR DA SEÇÃO DE DIREITO PRIVADO DO EGRÉGIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO.

REF.: RECURSO ESPECIAL EM APELAÇÃO CÍVEL Nº:
AGRAVANTE:AGRAVADO: XXXXXXXXXXXXXXXX

XXXXXXXXXXXXXXjá devidamente qualificado nos autos do Recurso Especial em destaque, a qual figura como Recorrida aSra. XXXXXXXXXXXXXXXXX, vem, com o devido respeito a Vossa Excelência, através de suas procuradoras que ora assinam, com supedâneo no art. 544 da Legislação Adjetiva Civil, ofertar o presente recursode

AGRAVO “NOS PRÓPRIOS AUTOS”
CONTRA DESPACHO DENEGATÓRIO DE RECURSO ESPECIAL,

em razão da decisão de fls. 238/239 do recurso em espécie, o qual negou seguimento ao Recurso Especial aforadopelo agravante, o qual dormita às fls. 153/181 dos autos referidos.
Destaca o agravante, que deixa de ancorar ao presente recurso comprovantes de recolhimento de custas e despesas postais, em facedo que reserva o § 2º, do art.544, do Código de Processo Civil.
Requer-se, por fim, o recebimento do presente recurso e suas Razões, sendo o mesmo regularmente processado para posterior remessa dosautos ao EGRÉGIO SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA (CPC, art.543,§ 3º), antes instada a agravada, para que, no prazo de 10 (dez) dias, querendo, venha oferecer resposta (CPC, art.543,§2º).Respeitosamente,
Pede deferimento,
Botucatu, 18 de abril de 2012.

Adv
XXXXXXX
Adv
XXXXXX

MINUTA DESTE AGRAVO

AGRAVANTE: XXXXXXXXXXXXXXX
AGRAVADA: XXXXXXXXXXXXXXXX
PROC.
VARA: 2ª VARA DA FAMÍLIA DEPINHEIROS/SP
REF.: REC. ESPECIAL EM APELAÇÃO CÍVEL Nº:

EGRÉGIO SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA
COLENDA TURMA JULGADORA
ÍNCLITOS MINISTROS.

I – DA TEMPESTIVIDADE DO RECURSO

O Recurso oraagitado deve ser considerado como tempestivo, porquanto conforme se depreende da certidão de publicação de fls. 241 dos autos, o fora publicado no DJE na data de 12 de abril de 2012 (quinta-feira)....
tracking img