Administração

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1062 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Os Perigos de Cruzar os Braços
Salmo 18.2

Em certos momentos de nossas vidas, nós nos deparamos com situações impossíveis de serem ultrapassadas, muitas vezes por situações que não dependem de nós para serem resolvidas. Na maioria dessas situações o responsável direto se chama satanás.
A função do diabo é: Parar os Cristãos ou Acelerar os Cristãos.
PARAR é umaatividade que ele exerce naturalmente, tentando sempre estragar os planos dos cristãos.
ACELERAR é outra maneira que satanás utiliza para estragar as vidas dos cristãos. Como ele acelera os cristãos?
Mexendo com o ego da pessoa, dizendo no ouvido da pessoa: Você prega muito, quando você ora os corações são quebrantados, etc...
É exatamente desta maneira que ele age,tentando massagear o ego das pessoas, para que essas pessoas acreditem que tudo que está acontecendo, que esse poder vem delas próprias e não de DEUS.
Muitas vezes, em nosso dia a dia, satanás e seus demônios de levantam contra nós. E é nestes momentos que muitos não sabem como se comportar, ou melhor, de que maneira agir.

O que fazer diante destas situações Batalhas Espirituais? (Am. 6,1)- Jamais Cruzar os Braços.
- Davi foi um homem extremamente vitorioso em suas batalhas, o SENHOR estava com ele.
- Em nenhum momento Davi cruzou os braços.

Os Perigos de Cruzar os Braços
- Quem cruza os braços não consegue abrir o seu coração para ouvir a DEUS, pois só está esperando as coisas caírem do céu.
- Quem cruza os braços fica sem saída algumadiante da situação.
- Quem cruza os braços está à mercê das circunstâncias adversas.
- Quem cruza os braços está sem poder de reação.
- Quem cruza os braços é porque sabe que vai esperar por muito tempo.

Atitudes a se tomar em uma Batalha Espiritual
(SL 18,3) - Clamar / Invocar ao Senhor!
- Só invoca ao SENHOR aqueles que confiam. (SL 18,2).
- DAVI nãodeixou o medo tomar conta dele, invocou o SENHOR assim que a angústia bateu. (SL 18,6 A)
- DEUS nos ouve e age no tempo DELE. (SL 18,6 B)
- DEUS não nos livra do problema e sim NO PROBLEMA. (SL 18,16)

(SL 18: 20-26) - Andar em Santitade!
- DEUS só enxerga aqueles que andam em santidade, DEUS não reconhece o pecado.
- DEUS recompensa aqueles que seguem os seuscaminhos.
- Sempre haverá uma recompensa para aqueles que guardam os caminhos do SENHOR. Vale a pena.
- Quem anda em santidade não abre brechas para a construção de fortalezas.
- Não adianta andar em santidade e não utilizar o escudo do SENHOR! (BÍBLIA). (SL 18,30)

(SL 18,34) - Guerrear Contra os Nossos Inimigos.
- DEUS nos capacita para a batalha.- Devemos enfrentar os nossos inimigos para que não sejamos consumidos por eles.
- DEUS disse que vai nos capacitar para a guerra e não nos tirar da guerra. DEUS não nos livra do problema e sim nos livra NO PROBLEMA.
- Quem não luta é consumido pelos inimigos.
- Quem luta em uma guerra com a confiança em DEUS jamais perderá. (2 Sm 17,45).

(SL 18,44) - Ser Igreja.- Durante uma batalha espiritual ser igreja faz a diferença.
- Igreja exerce a sua autoridade. (SL 18,44)
- Igreja é a MAIOR autoridade espiritual na Terra. (SL 18,47).
- Igreja é o povo escolhido do SENHOR! (SL 18,50).
- A Igreja obedece ao SENHOR.

História do Alpinista no Aconcágua.
Esta é a história de um alpinista que sempre buscavasuperar mais e mais desafios. Ele resolveu depois de muitos anos de preparação, escalar o Aconcágua. Mas ele queria a glória somente para ele, e resolveu escalar sozinho sem nenhum companheiro, o que seria natural no caso de uma escalada dessa dificuldade.
Ele começou a subir e foi ficando cada vez mais tarde, porém ele não havia se preparado para acampar, resolveu seguir a escalada...
tracking img