Adm de medicamentos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 65 (16171 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Programa de Educação
Continuada a Distância

Manual de Diluição e
Administração de Medicamentos
Injetáveis

Aluno:

EAD - Educação a Distância
Parceria entre Portal Educação e Sites Associados

Manual de Diluição e
Administração de Medicamentos
Injetáveis

Atenção: O material deste manual está disponível apenas como parâmetro de estudos para
este Programa de Educação Continuada. É proibidaqualquer forma de comercialização do
mesmo. Os créditos do conteúdo aqui contido são dados aos seus respectivos autores
descritos na bibliografia consultada.

2
Este material deve ser utilizado apenas como parâmetro de estudo deste Programa. Os créditos deste conteúdo são dados aos seus
respectivos autores

Manual de Diluição e Administração de Medicamentos Injetáveis
SUMÁRIO
Introdução
Preparaçõeslíquidas
Preparações sólidas
Preparações Pastosas
Principais Vias de Administração de Medicamentos
Regra dos sete certos
Protocolo para preparo de medicações
Principais Classes de Medicamentos
01. Antibióticos
02. Antineoplásicos
03. Antieméticos
04. Antiulcerosos
05. Anti-hipertensivos
06. Antiarrítmicos
07. Digitálicos
08. Antianginosos
09. Coagulantes
10. Anticoagulantes
11. Psicotrópicos
12.Analgésicos
13. Antiinflamatórios
14. Anti-histamínicos
15. Broncodilatadores
16. Insulina
Vias de Administração de Medicamentos
01. Intradérmica
02. Subcutânea

3
Este material deve ser utilizado apenas como parâmetro de estudo deste Programa. Os créditos deste conteúdo são dados aos seus
respectivos autores

03. Intramuscular
04. Endovenosa
Preparo de Solução Parenteral (Soroterapia)
Diluição eAdministração dos Principais Medicamentos Injetáveis
Cálculos de Medicamentos
Bibliografia Consultada

4
Este material deve ser utilizado apenas como parâmetro de estudo deste Programa. Os créditos deste conteúdo são dados aos seus
respectivos autores

Manual de Diluição e Administração de Medicamentos Injetáveis
Introdução
Farmacologia é a ciência que estuda os medicamentos e suas formas de
atuaçãono organismo vivo.
A administração segura e precisa de medicamentos é uma das mais
importantes responsabilidades do profissional de enfermagem. O profissional é
responsável pela compreensão dos efeitos de uma droga, pela administração
correta, pela monitorização da resposta do paciente e pelo auxílio ao paciente na
auto-administração correta.
A capacidade de administrar medicamentos é uma dashabilidades mais
importantes que o profissional da enfermagem leva ao leito do paciente. A
administração segura e efetiva dos medicamentos é considerada por muitos
profissionais da enfermagem como a razão do seu sucesso.
A organização das rotinas de administração de medicamentos é importante
e deve ser compreendida por todos os que participam do serviço. Assim, vários
métodos são adotados paraassegurar precisão na preparação, distribuição e
anotação dos medicamentos.
É

claro

que

oferecer

medicamentos

com

exatidão

requer

muito

conhecimento técnico, habilidade, dedicação, atenção e constante processo de
reciclagem.
Medicamento é toda substância que, introduzida no organismo humano, vai
preencher uma das finalidades enunciadas a seguir:
● Preventiva ou profilática - quando evita oaparecimento de doenças ou
diminui a gravidade das mesmas;
● Diagnóstica - quando não só auxilia o médico em decidir o que está
causando a sintomatologia apresentada pelo paciente, como também localiza a área
exata afetada pela doença;
● Terapêutica - quando é usada no tratamento das doenças. Existe grande
variedade de substâncias químicas cujas ações terapêuticas mais comuns são:

5
Este materialdeve ser utilizado apenas como parâmetro de estudo deste Programa. Os créditos deste conteúdo são dados aos seus
respectivos autores

- Curativa ou específica - quando remove o agente causal das doenças.
Ex.: antibiótico antimalárico;
- Paliativa ou sintomática - quando alivia determinados sintomas de uma
doença, destacando-se entre eles a dor. Ex.: analgésico;
- Substitutiva - quando repõe outra...
tracking img