Adiministracao

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1251 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Formação do Brasil Contemporâneo – 2013
1.º ano do curso de ADM - B
Prof. Maurílio Rompatto

Responda

1 - Quais foram as causas internas e externas do movimento político denominado “Revolução de 30”? O que diz Boris Fausto da crise econômica? Em sua concepção, qual foi a importância dela para o surgimento da República Nova? Comente a partir das considerações de Boris Fausto sobre a influênciada crise econômica para a revolução.

2 – O que levou ao rompimento do acordo do Café Com Leite e como se deu a formação da Aliança Liberal?

3 – Como foram os preparativos para as eleições de 1930? Qual foi seu resultado e porque os aliancistas não concordaram com ele?

4 – Como foi a participação e as articulações dos tenentes para deflagração do levante? Por que Luis Carlos Prestes recusou ocomando da “revolução”? Em que consistiu seu “Manifesto de Maio” de 1930?

5 - Por que Getúlio Vargas não quis de imediato a revolta armada? Qual acontecimento precipitou a revolução? Por que se diz que o apoio das Forças Armadas foi crucial para o sucesso da “revolução”? Houve alguma resistência armada? Se houve, onde e como?

6 – O que fez Washington Luis diante da crise? Porque a burguesiacafeeira paulista “abandonou” Washington Luis e não garantiu a posse de seu sucessor, o presidente eleito Julio Prestes?

7 - O acontecimento denominado de “revolução de 1930” pode ser considerado uma revolução? Em que sentido? Quais teses podem ser refutadas e qual delas pode ser aceita? Explique-as.

8 – Ao analisar os elementos da vida brasileira contemporânea (1942), Caio Prado Jr. afirma que “opassado, aquele passado colonial que referi acima, aí ainda está, e bem saliente [...]. Não me referi aqui unicamente a tradições e a certos anacronismos berrantes que sempre existem em qualquer tempo ou lugar, mas até a caracteres fundamentais da nossa estrutura econômica e social”. Que caracteres são esses? Explique-os.

9 – O que Caio Prado Jr. quer dizer com a frase: “os problemas brasileiros dehoje (1942), os fundamentais, pode-se dizer que já estavam definidos há 150 anos atrás”? Porque, segundo ele, uma viagem pelo Brasil de sua época (1942) seria como “uma incursão pela história de um século e meio para trás”? O que estava tão errado na economia brasileira, que ele chama de “atonia econômica”? O que dizer dos processos empregados na agricultura? Explique-os.

10 – O que serianecessário, segundo Caio Prado Jr., para se compreender o Brasil de sua época (1942)? Por que ele escolhe para análise a última etapa da colonização? Por que, segundo ele, estaria nessa etapa a síntese de tudo?

11 – Por que a colonização portuguesa da América para Caio Prado Jr. não é um fato isolado? Qual contexto havia de ser levado em conta para se compreender a colonização do Brasil?

12 – O que CaioPrado Jr. diz do pioneirismo português no processo de expansão marítima e comercial? Quais foram os países que logo se lançaram na mesma empreitada? Por que não ocorreu a nenhum deles a ideia de ocupar ou de povoar o novo continente? O que os animava? Porque que os espanhóis foram mais felizes no processo de colonização?

13 – Segundo Caio Prado Jr., a colonização européia da América não teve asmesmas características por toda a parte. Quais foram a duas áreas de colonização destacadas por ele? Sob quais circunstancias os ingleses colonizaram sua parte (a região temperada da América)? Porque era “muito diversa é a história da área tropical e subtropical da América”, da qual faz parte o Brasil?

14 – O que serviu de estimulo para o branco europeu colonizar os trópicos? Quais foram osprodutos escolhidos para cultivo? Porque Caio Prado Jr. diz que tal estímulo atraiu mais o empresário do que o trabalhador?

15 - Quais eram as condições de Portugal que não permitiam o uso do trabalhador assalariado na ocupação e colonização do Brasil? Qual foi o tipo de trabalhador adotado nessa colonização?

16 - Porque Caio Prado conclui sua análise afirmando que “se vamos à essência da nossa...
tracking img