Acidente de trabalho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2092 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Rio de Janeiro, 21 de novembro de 2012.

Acidente de trabalho

Tecnopatia - doenças profissionais ou ocupacionais
Mesopatia - doenças do trabalho

Definição de Acidente de trabalho

Decreto 611/ artigo 139
"É aquele que ocorre no exercício do trabalho a serviço da empresa, provocando lesão corporal ou perturbação funcional que cause a morte, perda ou redução, permanente ou temporária,da capacidade para o trabalho."

ABNT
Acidente de trabalho ou simplesmente acidente, é a ocorrência imprevista, instantânea ou não, relacionada com o exercício do trabalho, que provoca lesão potencial ou do que decorre risco próximo ou remoto dessa lesão.

Classificação de acidentes (Ler Lei 8.213)


• Incapacitante
• Sério
• Relatável
• Trajeto
• Incidente
• Danos Materiais
•Lar/ Lazer

Sério - é aquele que resulta em incapacidade permanente total ou parcial (incluindo morte).

Incapacitante - é aquele que resulta no impedimento temporário de exercer mais de uma das atividades da sua função (restrição de função)

Acidente relatável ou leve - é aquele em que a lesão sofrida não impede que exerça todas as atividades de sua função.

Acidente de trajeto - é oacidente que ocorre no percurso da residência para o trabalho ou deste para a residência, não importa quanto tempo leve, desde que o trajeto seja aquele indicado pelo funcionário quando de sua admissão.

Incidente ou acidente sem lesão - é um evento que não gerou lesão, poder set com danos materiais ou não. Deve ser considerado com muita importância, pois é o indicador de possíveis acidentesDoença do trabalho
É aquela adquirida ou desencadeada em função de condições especiais em que o trabalho é realizando e com ele se relacione.
Doença profissional
É aquela produzida ou desencadeada pelo exercício do trabalho peculiar à determinada atividade e constante da respectiva relação elaborada pelo Ministério do Trabalho e Previdência Social.

Não são consideradas como doença do trabalho:doença degenerativa, inerente a grupo etário a que não produza incapacidade laborativa e doença endêmica.



Rio de Janeiro, 23 de novembro de 2012.

Causas básicas
As causas básicas são razões de ocorrerem os atos e condições abaixo do padrão. Também são chamadas causa raízes, causas fundamentais, causas indiretas ou de contribuição de um acidente ou incidente.

Geralmente são bemevidentes, mas para se ter um controle administrativo eficiente, faz-se necessário um pouco mais de investigação sobre elas. Com este conhecimento pode se explicar porque as pessoas cometem práticas abaixo dos padrões e porque essas condições existem. É importante considerarmos também, duas categorias imediatas, os fatores pessoais e os fatores de trabalho/ambiente de trabalho, que são exemplificados aseguir.

Fatores pessoais
• Capacidade física / fisiológica inadequada;
• Capacidade mental / psicológica inadequada;
• Tensão física / fisiológica;
• Tensão mental / psicológica;
• Falta de conhecimento;
• Falta de habilidade;
• Motivação deficiente.

Fatores de trabalho (ambiente de trabalho)
• Liderança e ou supervisão inadequada;
• Engenharia inadequada;
• Comprainadequada;
• Ferramentas, equipamentos e materiais inadequados;
• Padrões de trabalho inadequados;
• Uso desgaste;
• Abuso e maltrato

Causas imediatas
As causa imediatas são as circunstâncias que precedem imediatamente o contrato e que podem ser vistas ou sentidas.
Atualmente utiliza-se termos abaixo dos padrões e condições abaixo dos padrões. As práticas e condições abaixo dos padrõesmanifestam-se dos seguintes modos:

• Atos ou práticas abaixo dos padrões;
• Operar equipamentos sem autorização;
• Não sinalizar ou advertir;
• Falhar ao bloquear/ resguardar;
• Operar em velocidade inadequada;
• Tornar os dispositivos de segurança inoperáveis;
• Remover dispositivos de segurança;
• Usar equipamento defeituoso;
• Usar equipamento de maneira incorreta;
• Não...
tracking img