Acessibilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1673 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1- INTRODUÇÃO

O presente trabalho trata de uma breve busca de literatura a respeito do sistema endócrino que tem por objetivo aprimorar o conhecimento sobre o assunto e qual é a importância deste sistema para o corpo humano.

Portanto devemos entender as suas funções, atividades e como ele é composto. Pois o sistema endócrino é formado pelo conjunto de glândulas que apresentam comoatividade características a produção de secreção denominadas hormônios.
O sistema endócrino interage com o sistema nervoso. O sistema nervoso pode fornecer ao sistema endócrino informações sobre o meio externo, enquanto que o endócrino regula a aparte interna do organismo.
Fazem parte do sistema endócrino a hipófise, tireóide, paratireóides, supra- renais, pâncreas, ovários e testículos e essas estãoneste.
Percebe-se a importância do estudo da estrutura do sistema endócrino para que possamos compreender nas próximas disciplinas a fisiologia do mesmo.


































2- DEFINIÇÕES DO SISTEMA ENDÓCRINO




O sistema endócrino é formado pelo conjunto de glândulas, as quais têm como característica a produção de secreções, chamadas dehormônios. As glândulas endócrinas lançam os hormônios diretamente na corrente sanguínea, por onde eles atingem todas as células do corpo.
O sistema endócrino, geralmente interage com o sistema nervoso, formando mecanismos reguladores eficazes. O sistema nervoso pode fornecer ao sistema endócrino informações sobre o meio externo, enquanto que o sistema endócrino regula a resposta interna do organismoa esta informação. Assim os dois juntos atuam na coordenação e regulação das funções corporais.

Os principais órgãos que formam o sistema endócrino são: a hipófise, o hipotálamo, a tiróide, as supra-renais, o pâncreas, as gônadas (os ovários nas mulheres e os testículos nos homens) e o tecido adiposo.





3- HIPÓFISE



É uma pequena glândula em forma de gema que pende da base docérebro, imediatamente por baixo do hipotálamo, situada junto a uma concavidade do osso esfenóide conhecida como sela turca. Tem o tamanho de uma ervilha, pois mede apenas 6 mm no sentido anteroposterior, cerca de 10 mm de largura e um pouco menos de altura, e um peso de 500 mg.
A glândula divide-se em duas porções bem diferentes, que têm uma origem embriológica distinta - a hipófise anterior e ahipófise posterior.
A hipófise anterior, ou adeno-hipófise, originada a partir de uma saliência da faringe durante o estado embrionário, é uma estrutura eminentemente glandular formada por células especializadas na produção de hormonas.
A hipófise posterior, ou neuro-hipófise, originada a partir do tecido cerebral, é formada pelas terminações dos neurônios, cujos corpos celulares se encontramnos núcleos supra-ópticos e para ventriculares do hipotálamo. Trata-se de uma zona de "armazenamento" de hormonas produzidas pelo hipotálamo, apesar de muitas vezes englobar secreções de origem hipofisária.


4- HIPOTÁLAMO



O hipotálamo é uma parte do cérebro que fica exatamente acima da glândula hipófise. O hipotálamo produz hormônios que agem diretamente na hipófise, estimulando ouinibindo a liberação dos hormônios hipofisários. Alguns dos hormônios hipofisários são: o GHRH (que estimula a liberação do GH), o TRH (que estimula a liberação do TSH), o CRH (que estimula a liberação do ACTH) e o GnRH (que estimula a liberação de LH e FSH). O hipotálamo também produz o neurotransmissor dopamina, que inibe a liberação de prolactina pela hipófise. Portanto, o hipotálamo, porcontrolar diretamente a função da glândula-mestra, a hipófise, constitui o elo de ligação entre o sistema nervoso central (cérebro) e o sistema endócrino.














5- TIREÓIDI




A tireóide é uma glândula pequena que fica localizada na região anterior do pescoço, em frente à passagem do ar (traquèia) e abaixo do pomo-de-Adão. Os hormônios da tireóide controlam o seu...
tracking img