Absolutismo e a vida do rei luiz xiv

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2061 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Escola Estadual Profº Haydée Hidalgo
Biologia
Luís
Gabriel Afonso da S. Lemos 2ºA
Yury Rodrigues Anunciação 2ºA













Concepções pré-mendelianas e as leis de mendel;
GRUPOS SANGUÍNEOS (ABO E RH), TRANSFUSÕES E INCOMPATIBILIDADE;







SUMÁRIO


1 – CONCEPÇÕES PRÉ-MENDELIANAS 2
2 – 1ª LEI DE MENDEL 3
3 – 2º LEI DE MENDEL 4
6 – GRUPOS SANGUÍNEOS 6
6.1 – ADESCOBERTA DO SISTEMA DE GRUPO SANGÜÍNEO ABO 6
6.2 – O SANGUE POSSUI ANTÍGENOS E ANTICORPOS 6
6.3 – INCOMPATIBILIDADE SANGÜÍNEA NO SISTEMA ABO 6
6.4 – O SISTEMA DE GRUPO SANGÜÍNEO RH 7
6.5 – INCOMPATIBILIDADE SANGÜÍNEA NO SISTEMA RH 7
6.6 – TRANSFUSÕES POSSÍVEIS 8
6.7 – ERITROBLASTOSE FETAL 8
5 - CONCLUSÃO 9
BIBLIOGRAFIA 10

1 – Concepções Pré-mendelianas


[pic]
Aristótelescontribuiu muito para a compreensão dos mecanismos hereditários.

Para nós, contemporâneos, a hereditariedade é um fato facilmente de ser percebido e também explicado: basta observar a semelhança entre pais e filhos, ou mesmo entre irmãos; e se lembrar de algumas aulas de Ciências e Biologia.
Entretanto, há alguns milênios, os antigos ainda não conheciam tais mecanismos, e se preocupavam em buscarexplicações para tal. A pangênese, por exemplo, foi uma hipótese proposta pelo filósofo grego Hipócrates, aproximadamente 410 anos a.C.. Segundo ela, cada órgão do corpo produziria um material hereditário específico: as gêmulas. Estas se agregariam, e tal conjunto seria, então, encaminhado ao sêmen, transmitindo as características paternas ao futuro filho. Foi este mesmo filósofo o precursor dateoria dos caracteres adquiridos, futuramente adotado por Lamarck.
A pangênese foi aceita por muitos anos, sendo, inclusive, considerada por Darwin ao escrever sua famosa obra.
Décadas depois, Aristóteles propôs que tanto pai quanto mãe eram responsáveis pela liberação de material genético para as novas gerações, pela mistura de sangues: o sêmen (purificado) e sangue menstrual feminino.
Eleargumentava, ainda, que a pangênese era inconsistente, por não explicar, por exemplo, um indivíduo com características semelhantes às dos avós, e inexistentes nos pais; ou mesmo o fato de plantas mutiladas produzirem descendentes íntegros.
Finalmente, em 1667, Leeuwenhoek descobriu a presença do espermatozóide no sêmen, associando ele à formação dos seres vivos. Apesar de muitos contatarem esta ideia,outra corrente de pesquisadores conseguiu até mesmo visualizar pequenos seres no interior de cada espermatozóide: hipótese pré-formista.
Entretanto, foi somente no século XIX, com avanços na área da microscopia, que percebeu-se que óvulos e espermatozóides, fecundados, davam origem a novos indivíduos. Mais tarde, o monge Gregor Mendel foi capaz de reconhecer a segregação independente; propiciando osurgimento da Genética moderna e a consolidação da teoria cromossômica da herança.
A partir da década de 40, novas descobertas foram feitas: a influência do DNA como responsável pela transmissão de caracteres hereditários e sua dupla hélice; o código genético; e a capacidade de se isolar e transplantar genes.

2 – 1ª Lei de mendel

[pic]
(Gregor Mendel realizando experimentos com ervilhas.)O monge e cientista austríaco Gregor Mendel e suas descobertas, feitas por meio de experimentos com ervilhas, realizadas no próprio mosteiro onde vivia, foram extremamente importantes para que hoje conhecêssemos os genes e alguns dos mecanismos da hereditariedade. Suas experiências foram, também, muito significantes para a compreensão de algumas lacunas da Teoria da Evolução, proposta temposantes.
O sucesso de seus experimentos consiste em um conjunto de fatores. Um deles foi a própria escolha do objeto de estudo: a ervilha Psim sativum: planta de fácil cultivo e ciclo de vida curto, com flores hermafroditas e que reproduzem por autofecundação, além de suas características contrastantes, sem intermediários: amarelas ou verdes; lisas ou rugosas; altas ou baixas; flores púrpuras ou...
tracking img