Abordagem sociologica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2038 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ABORDAGEM SOCIOLÓGICA





















São Luís
2010











ABORDAGEM SOCIOLÓGICA




Trabalho acadêmico apresentado à disciplina de Teoria da Contabilidade ministrada pelo Prof. José Maria Paixão Filho do Curso de Ciências Contábeis do UNICEUMA como avaliação parcial.São Luís

2010

SUMÁRIO


|1 |INTRODUÇÃO | 04 |
|2 |A ABORDAGEM SOCIAL |05 |
|2.1 |A abordagem social ampla|05 |
|2.2 |A abordagem sociológica e o bem estar social |06 |
|3 |CONCLUSÃO |09 |
| |REFERÊNCIAS|10 |










































1 INTRODUÇÃO




A contabilidade, área do conhecimento do rol das ciências sociais aplicadas, tem como objeto de estudo o patrimônio particular e suas variações, os quais ocorrem a partir da ação do homem. Enquanto ciênciaconstrói um conhecimento a partir de métodos e abordagens que lhe são próprios. Em relação a seus processos de pesquisa, utilizam-se de uma metodologia para atingir seus fins, quais sejam: explorar, descrever e/ou explicar o patrimônio e suas variações.
Para Demo (1995, p. 26), a demarcação científica em ciências sociais possui outros critérios além da competência metodológica como juízocrítico de ciência. Segundo o autor, o pesquisador social aparece como ator político no processo de construção científica. Logo, o cientista contábil é pesquisador e sujeito do conhecimento em contabilidade.
Nesta dimensão, a orientação metodológica da pesquisa ganha nova importância. O pesquisador atua como sujeito ativo, interferindo nos rumos da ciência a qual se dedica, mas também no destinoda própria sociedade. Isto na medida em que a contabilidade busca soluções para entidades que têm dever de gerenciar suas atividades com responsabilidade social e ambiental.
A contabilidade tem a capacidade de desenvolver métodos de avaliação, mensuração, evidenciação: mede resultados, aponta caminhos para a solução de estruturas de capital, lucratividade e rentabilidade, regula custos einfere caixas futuros. No entanto, necessita também extrapolar esses limites de funções. Necessita se ocupar de descobertas, soluções, práticas à sociedade, que permitam: a) a mensuração de passivos ambientais; b) a evidenciação das riquezas geradas pelos funcionários da empresa; c) a mensuração do capital intelectual e seu impacto sobre a marca empresarial; d) a evidenciação da capacidade daspessoas de gerar caixas futuros para a entidade, alavancando as potencialidades do negócio e gerando benefícios à sociedade.







2 A ABORDAGEM SOCIAL

Esta abordagem parte da premissa de que os relatórios contábeis interessam não apenas aos gerentes, investidores, organismos financeiros etc. mas sim a toda a sociedade.
Passa por várias etapas ou visões, por assim dizer,iniciando-se por uma visão “econômica” do que seria informação social relevante, a Abordagem do Valor Adicionado (ou Agregado). Segundo esta visualização, a sociedade em geral teria melhores informações sobre a entidade se, adicionalmente aos relatórios tradicionais, fosse elaborada a Demonstração do Valor Adicionado, na qual se calcula o valor adicionado pela entidade sobre os fatores adquiridos...
tracking img