Aaaaaa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1308 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Publicado em: Gazeta Mercantil (Ciência) em 8 de Março de 1996
A anatomia do pensamento
The Economist
Quanto mais se usa o cérebro, melhor ele fica. Os cientistas observam os efeitos anatômicos de pensar e de não pensar Da mesma forma como trabalhar duro deixa calos nas mãos, a atividade mental intensa deixa marcas no cérebro. E, da mesma forma que as mãos que passaram décadas lavando roupastêm a aparência diferente das mãos que apenas tocaram piano, o cérebro de um jogador de futebol é visivelmente diferente do cérebro de um jogador de xadrez. Essa não é uma descoberta nova. Sabe-se que o cérebro é um órgão extraordinariamente plástico, moldado por tudo o que faz. Agora, porém, está-se tornando cada vez mais claro até que ponto essa moldagem vai. Experiências realizadas nos anos 60por Mark Rosenzweig e seus colegas na Universidade da Califórnia, em Berkeley, mostraram que os ratos criados em ambiente interessante - uma gaiola grande com companheiros e muitos brinquedos - desenvolveram cérebros mais complexos e densos do que os ratos que sempre viveram em ambientes entediantes -gaiolas pequenas, poucos companheiros e sem brinquedos. As experiências mais recentes demonstraramque um ambiente interessante é bom para o cérebro em qualquer estágio da vida. Mesmo um rato mais velho, um mês depois de mudar para um ambiente novo e mais interessante, apresenta o adensamento de algumas partes do cérebro, embora o efeito seja menor do que nos animais jovens. O cérebro é constituído de três elementos básicos: células nervosas, células da glia e tecido vascular. As célulasnervosas, ou neurônios, são as que pensam e dão instruções aos músculos que se movam. Essas células, de formatos e tamanhos diferentes, trocam informações entre si através de conexões chamadas de sinapses. Quanto maior o número de sinapses de uma célula nervosa, mais alternativas ela tem para trocar informações com as outras. Conseqüentemente, quanto mais sinapses um cérebro tiver por cada célulanervosa, maior será a probabilidade de ele ser capaz de processar e responder a novas informações. E os ratos que vivem em ambientes mais complexos desenvolvem, de fato, mais sinapses entre as suas células nervosas. Esse maior número de sinapses é responsável por parte do adensamento observado no cérebro. Mas só por parte. Experiências realizadas por William Greenough e seus colegas da Universidade deIllinois mostraram que outros componentes do cérebro também têm plasticidade. As células da glia são, de certa forma, misteriosas: entremeadas às células nervosas, elas parecem desempenhar um papel crucial na manutenção de um meio ambiente apropriado para a atividade mental. Em animais que vivem em lugares interessantes, as células da glia aumentam de tamanho e se tornam mais ativas,aconchegando-se em torno dos neurônios. Até hoje, ninguém sabe exatamente por que isso ocorre. Uma possibilidade é que, como as próprias células nervosas se tornam mais ativas, as células da glia precisam trabalhar mais intensamente para manter o equilíbrio do meio ambiente. NUTRIENTES PELOS CAPILARES Pensar cansa - como sabem todos os que chegaram a pensar alguma vez. Quanto mais uma célula nervosa pensa,maior é quantidade de energia que ela necessita para se manter em atividade. O cérebro adquire sua energia a partir do açúcar carregado pela corrente sangüínea. O sangue circula pelo cérebro da mesma forma que pelo resto do corpo, através de artérias, veias e vasos capilares - os dutos que compõem o sistema vascular. Enquanto as artérias e veias conduzem o sangue que circula ao redor do cérebro, oscapilares levam o sangue até as células, permitindo que elas extraiam dele nutrientes como açúcar e oxigênio, e que secretem nele resíduos como o dióxido de carbono. Quando estimuladas por um ambiente interessante, as células nervosas adquirem um grande número de capilares adicionais para alimentá-las. Segundo Greenough e seus companheiros de pesquisa, esse efeito é particularmente pronunciado...
tracking img