8

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (484 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de abril de 2015
Ler documento completo
Amostra do texto

12ª RPM – 70º BPM


TERMO DE DECLARAÇÕES DA VÍTIMA

Local: Quartel do 70º BPM em Nanuque/MG
Data da oitiva: 30/12/2014 – Terça Feira.
Nome do Encarregado: 3º Sgt PM Genivaldo Aparecido da Silva eOutros.
DECLARAÇÃO que presta:
NOME: JOSÉ CARLOS RIBEIRO
Profissão: Estudante
Pai: Joaquim Augusto Ribeiro
Mãe: Maria Josefina
Idade: 17 anos Data de Nascimento: 01/02/1997 Sexo: MasculinoNacionalidade: Brasileira Naturalidade: Lavras/MG
Apelido: Não Estado Civil: Solteiro
CPF: 002.002.002-02 Identidade: MG 02.002.002
Local de Trabalho: Não
Residência: Rua Um, nº 100, BairroJaqueiras, Lavras/MG – CEP 30.500-000
Telefone Celular: (35) 9999-9999
Escolaridade: Ensino Médio Incompleto
Lê: Sim Escreve: Sim

INQUIRIDO acerca dos fatos constantes no despacho n. 171/2014 que lhe foilido, respondeu que no dia 25/12/2014, por volta das 23h30min quando retornava para sua casa juntamente com seus amigos Carlos Silva e José Guilherme após participarem de uma festa de aniversário,caminhavam pela rua Dr. João Nogueira, Centro – Nanuque, quando foram abordados por uma Viatura Policial, momento em que desceu da mesma um Sargento e gritou para que eles colocassem a mão na cabeça;que todos obedeceram, mas como havia demorado um pouco o Sargento foi até sua direção dizendo: “ô pilantra coloca as mãos na cabeça, você é surdo?”; que quando o policial chegou ao seu lado, já estavacom as mãos na cabeça; que o Sargento efetuou a busca pessoal e começou a lhe agredir com socos no peito, tapas na cabeça e depois lhe enforcou; que seu amigo Carlos Silva, questionou as agressões queestava sofrendo, momento em que o Sargento foi até seu amigo e chutou suas pernas, dando socos em seu peito e também o enforcou com um “mata leão”. Que após os fatos o sargento liberou todos para irembora. Que chegou em casa e contou para sua mãe o que havia ocorrido; sendo que de imediato seus Pais foram até o Quartel da Polícia Militar. PERGUNTADO se conhecia os integrantes da Viatura...