5 Elementos da tabela periodica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3047 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Sumário
Radônio 3
O que é ? 3
Como foi descoberto ? 3
Perigos 3
Como é usado ? 3
Quais são suas características físicas ? 3
Obtenção 4
Frâncio 4
O que é ? 4
Como foi descoberto ? 4
Como é usado ? 5
Perigos 5
Quais são suas características físicas ? 6
Obtenção 6
Natural 6
Sintetizado 6
Rádio 6
O que é ? 6
Como foi descoberto ? 6
Perigos 7
Como é usado ? 7Quais são suas características físicas ? 7
Obtenção 8
Actínio 8
O que é ? 8
Como foi descoberto ? 8
Perigos 8
Como é usado ? 9
Quais são suas características físicas ? 9
Obtenção 9
Tório 9
O que é ? 9
Como foi descoberto ? 9
Perigos 10
Como é usado ? 10
Quais são suas características físicas ? 10
Obtenção 10

Radônio
O que é ?
O radônio (do latim radonium quesignifica derivado do radio) é um elemento químico de símbolo Rn e de número atômico igual a 86, com massa atômica de aproximadamente 222. Pertence à família dos gases nobres, encontrado no grupo 18 ou 8A da tabela periódica dos elementos. O radônio encontra-se no estado gasoso e é inerte, ou seja, não reage com outros elementos. 
Como foi descoberto ?
Em 1899 R. B. Ownes e Rutherford estudaramo elemento tório, devido ao fato de quando exposto ao ar sua radioatividade diminuía, chegando à conclusão que este emitia uma espécie de nuvem radioativa que na época ficou conhecida como “emanação de tório”, fazendo assim com que a sua radioatividade natural diminuísse.
Em 1900 F. E. Dorn verificou que a mesma emanação ocorria com o rádio. E em 1903 Debierne e F. Giesel identificaram o mesmoaspecto no actínio.
Mas tarde se identificou essa emanação ou nuvem como sendo um elemento decomposto destes outros três elementos tório, radio e o actínio, nomeando-se de radônio
Perigos
O radônio é um gás radioativo, e é considerado pelos cientistas a segunda maior causa de câncer de pulmão do mundo, só perdendo pro tabaco.
O radônio apresenta pouco poder de penetração, logo não é capaz deatravessar a nossa pele, mas pode ser inalado, e, quando isso acontece, esta falta de poder de penetração faz com o radônio não consiga sair do nosso corpo, depositando-se em nosso pulmão podendo causar lesões de diversos gêneros e graus.
O grau de exposição ao radônio aumenta em ambientes ou edifícios fechados e é muito comum onde temos materiais de construção à base de granito.
A concentraçãodeste gás radioativo pode ser reduzida de maneira imediata deixando as janelas abertas e permitindo a circulação do ar, criando sistemas de ventilação ou instalando exaustores.
No Brasil ainda não se tem estudos e nem dados estatísticos sobre os malefícios deste gás.
Como é usado ?
É usado na radioterapia, radiografia, em sismógrafos, detecção de fuga de gases e na composição de cápsulas paraaplicação em pacientes com câncer. Para esta última finalidade o gás é obtido a partir do elemento químico radioativo: Rádio
Quais são suas características físicas ?
Ele não tem gosto e nem cheiro, em temperatura ambiente é um gás incolor, mas quando submetido ao resfriamento abaixo do ponto de solidificação, passa a exibir uma fosforescência brilhante de tom amarelado e vermelha alaranjadaquando começa a atingir o estado de ar liquefeito. 
Obtenção
O átomo de radônio é altamente instável. Todos os seus isótopos têm meias-vidas extremamente curtas e emitem radiação alfa, transformando-se em polônio. O radônio é formado na desintegração do rádio e, portanto, todos os minerais que contêm rádio têm também radônio.

Frâncio
O que é ?
O Frâncio ( em homenagem à França ) é um metalalcalino altamente radioativo, que está no primeiro grupo da tabela periódica, de número atômico 87, é um elemento químico de símbolo Fr e tem massa atômica ponderada igual a 223. É o segundo elemento mais raro da Terra (atrás apenas do ástato). Portanto, para reunir uma quantidade considerável deste metal, é necessário sintetizá-lo em laboratório

Como foi descoberto ?
Em 1870, Dimitri...
tracking img