18 De brumário

Páginas: 10 (2263 palavras) Publicado: 20 de outubro de 2011
18 DE BRUMÁRIO DE LUÍS BONAPARTE – KARL MARX

Estas Notas Preliminares de Leitura são uma breve apresentação do livro O 18 Brumário de Luís Bonaparte, procurando fazer uma discussão acerca de alguns pontos, considerados importantes, na obra de Karl Marx, como: lutas de classes, materialismo dialético, entre outros. Dessa forma, serão priorizadas as lutas pelo poder político e econômico em queestiveram envolvidas: a nascente burguesia francesa e as diversas classes socioeconômicas existentes naquele momento histórico, que culminaram no inesperado Golpe de Estado que colocou Luis Bonaparte à frente do governo francês, numa administração ditatorial que herdou o seu nome – Bonapartismo.
Assim, como outros autores clássicos, Karl Marx juntamente com Friederich Engles desenvolveram ummétodo próprio para a compreensão da sociedade. Esse consiste numa análise que leva em consideração a história, mas não somente ela. As relações materiais de produção têm um lugar central em todas as suas análises, sejam elas de cunho estrutural ou conjuntural. O método denominado de materialismo histórico dialético não teve propriamente uma obra que se prestasse a explicá-lo em seus mínimos detalhes;no entanto, sua aplicabilidade pode ser verificada claramente no livro O 18 Brumário de Luís Bonaparte”79.
Neste, Marx trabalha toda a conjuntura social, política e econômica da França, em um determinado período histórico, que vai desde a eleição, que coloca Luís Bonaparte à frente do Estado francês, até seu Golpe de Estado (de 1848 até 1851). Embora este livro, e toda a obra de Karl Marx tenhamsido estudados de maneira contundente aos longo dos anos e se encontrem muitos trabalhos escritos, a partir de suas idéias e conceitos, é sempre uma aventura relê-los. Muitas vezes significa redescobrir um fato novo, ou não tão novo assim, mas é que a relevância da compreensão da sociedade por Marx, naquele momento histórico, é imprescindível para a história da Sociologia, mesmo que esse autor nãoestivesse preocupado com a criação de uma nova ciência. É por isso que, reler ou escrever sobre Marx é uma forma de não deixar que seus esforços sejam relegados ao esquecimento e, mais que isso, saber que podem ser utilizados para interpretar o mundo atual, tamanha é a atualidade da maioria de seus constructos, daí terem se tornado clássicos. A feitura destas Notas foi estimulada, graças àleitura de várias obras de Marx, durante a disciplina Teorias Sociais Clássicas, na Pós-Graduação em Ciências Sociais, – Mestrado e Doutorado, ministrada pelo Prof. Dr. José Willington Germano, na Universidade Federal do Rio Grande do Norte, em 2008.1, e esta, aqui privilegiada, foi apresentada em um seminário. Para isso, foram feitas algumas leituras prévias do livro, em questão e a apresentação dotrabalho em aula. Após essa dedicação ao livro, a organização de um texto que pudesse facilitar o encontro de outras pessoas com a leitura marxiana se tornou uma responsabilidade clara. Então, como os caros leitores, que por ventura tiverem curiosidade em conhecer um pouco mais O 18 Brumário de Luís Bonaparte verão que este texto estará organizado de forma cronológica, tentando facilitar acompreensão de todos.
Com a perfeita descrição e análise dos acontecimentos revolucionários de todo o período de 1848 até 1851, O 18 Brumário de Luis Bonaparte trata dos fatos que desencadeiam o período de ditadura do Estado Bonapartista,80 quando Luís Bonaparte assume o poder (através de um golpe) e governa em forma de império. Os leitores deste livro terão oportunidade de conhecer tanto os episódios comoos caminhos percorridos, algumas vezes, circunstancialmente, outros premeditados, mas que desembocou num único trilho: o do governo centralizado numa só pessoa.
É claro que não se anunciava desde o princípio esse fim, mas quando Marx diz: “Os homens fazem sua própria história, mas não a fazem como querem; não a fazem sob
circunstâncias de sua escolha e sim sob aquelas com que se defrontam...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • 18 de brumario
  • Os 18 brumarios
  • 18 De brumário
  • 18 De brumario
  • 18 de Brumario
  • 18 de Brumario
  • 18 Brumário
  • O 18 BRUMARIO DE LUIS BONAPARTE

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!