1234552234

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1010 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Arq. Bras. Med. Vet. Zootec., v.57, n.6, p.820-824, 2005

Produção de leite, leite residual e concentração hormonal de vacas Gir × Holandesa e
Holandesa em ordenha mecanizada exclusiva

[Milk yield, residual milk, oxytocin concentration and cortisol release in Holstein and
Gir × Holstein cows machine milked without stimulus from a calf]

M.A.F. Porcionato1, J.A. Negrão2, M.L.P. Lima3
1Doutorando em Zootecnia – Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinária – UNESP
Via de Acesso Prof. Paulo Donato Castellane, s/n
14884-900 - Jaboticabal, SP
2
Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos - USP - Pirassununga, SP
3
Instituto de Zootecnia - Ribeirão Preto, SP

RESUMO
Avaliaram-se as concentrações de ocitocina e de cortisol e as produções de leite e de leite residual detrês
grupos genéticos de vacas: ½Gir×½Holandês (n=6, grupo genético F2), ¼Gir×¾Holandês (n=6, grupo
genético F3) e Holandês (n=6, grupo genético H), ordenhadas mecanicamente e na ausência do bezerro. O
grupo genético H produziu mais leite do que os grupos F2 e F3, e a concentração de ocitocina foi
semelhante nos três grupos. O aumento de ocitocina durante a ordenha foi maior para os grupos He F3
em relação ao grupo F2. O leite residual do grupo F2 foi maior do que o dos grupos genéticos F3 e H. O
cortisol do grupo F2 foi maior do que o das vacas dos demais grupos genéticos. Vacas dos grupos F2 e F3
foram mais estressadas durante a ordenha do que vacas do grupo H, mas as dos dois grupos genéticos
cruzados liberavam suficiente quantidade de ocitocina que permitiu a ejeção efetivade leite.
Palavras-chave: bovino, ordenha mecânica, ejeção de leite, Gir × Holandesa
ABSTRACT
In a machine milking system in which calves were not present, oxytocin concentration (OT), cortisol
release (CORT), milk yield and residual milk were evaluated for cows of three genetic groups:
½Gir×½Holstein (n=6, genetic group F2), ¼Gir×¾Holstein (n=6, genetic group F3) and Holstein (n=6,
geneticgroup H). Group H had higher milk yield than groups F2 and F3, whereas OT was similar among
groups. The increase in OT during milking was greater for H and F3 than for F2. Residual milk for F2
was higher than for F3 and H. The CORT for F2 was higher than for cows of the other two genetic
groups. Cows from F2 and F3 were more stressed than H cows during machine milking, but the Gir ×
Holsteingroups did release sufficient OT to induce an effective milk letdown response.
Keywords: cattle, behavior, milk ejection, stress

Recebido para publicação em 14 de abril de 2004
Recebido para publicação, após modificações, em 9 de novembro de 2004
E-mail: lelo10@hotmail.com

Produção de leite, leite residual...

INTRODUÇÃO
Vacas da raça Gir e touros da raça Holandesa
têm sido cruzadospara melhorar a produção de
leite nos trópicos (Madalena e Trivedi, 1998;
Sandoval-Castro et al., 1999), concomitante à
criação de vacas Gir continuamente selecionadas
para a produção de leite (Magnabosco et al.,
1993; Souza et al., 1996). Contudo, vacas da raça
Gir e seus cruzamentos, muitas vezes, são pouco
adaptadas à ordenha mecanizada.
Alguns produtores mantêm vacas mestiças (Gir xHolandesa) amamentando seus bezerros, pois,
assim, produzem mais leite com o bezerro ao pé
do que quando ordenhadas sem o bezerro
(Negrão e Marnet, 2003). Outros produtores
desmamam os bezerros ao nascimento Essa
decisão negligencia o fato de que a desmama é
acompanhada de uma importante diminuição da
produção de leite (Tancin et al., 1995; Marnet e
Negrão, 2000).
Embora algumas raçaszebuínas apresentem
baixa persistência de lactação (Abubakar e
Buvanendran, 1981; Murugaiyah et al., 2001) e
retenham volume alto de leite residual
(Murugaiyah et al., 2001), recentemente foi
demonstrado que vacas Gir x Holandesa
liberaram ocitocina durante a ordenha
semelhante
à
liberação
durante
a
amamentação/ordenha combinadas (Negrão e
Marnet, 2002), sugerindo que as vacas desse...
tracking img