11 Pneumonia Bacteriana E Viral

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 51 (12683 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de junho de 2015
Ler documento completo
Amostra do texto
aiepi1.P

3/20/03

2:05 PM

S e ç ã o

Page 217

I I I :

A s p e c t o s

c l í n i c o s

e

t r a t a m e n t o

CAPÍTULO
SECCIÓN 11
I

PNEUMONIAS
BACTERIANAS E VIRAIS
Dr. Raúl Ruvinski, Dra. María C. Balanzal

I. GENERALIDADES
pneumonia, infeção do parênquima pulmonar, é causada pela agressão de
microorganismos, particularmente vírus e bactérias. Em crianças menores de 5 anos
representa umproblema sanitário grave, especialmente nos países em desenvolvimento
onde sua freqüência e gravidade dentro da mortalidade infantil precoce exige ações efetivas para
seu controle (1, 2).
Nos países em vias de desenvolvimento predomina a etiologia bacteriana, segundo dados
obtidos de estudos realizados em distintas regiões, com base na identificação bacteriológica no
aspirado pulmonar e emhemoculturas (3, 4). Nos países desenvolvidos acredita-se que a maioria
das pneumonias é de origem viral (5). No entanto, publicações recentes sugerem que a incidência
das infecções bacterianas seria maior que o informado em estudos prévios (6).
Dados epidemiológicos sobre infecções respiratórias agudas (IRA) do trato respiratório inferior
são escassos nos países da América Latina, o que complica aavaliação da magnitude do problema.
O conhecimento dos microorganismos predominantes em cada área, os sorotipos de bactérias
mais freqüente e sua resistência a antibióticos, são indispensáveis para definir estratégias locais
(7). Estes dados são fundamentais para a seleção dos antibióticos de eleição e a administração
de vacinas específicas (8, 9).
Tecnicamente é difícil isolar os agentes etiológicos daspneumonias bacterianas mediante
culturas ou identificação rápida de antígenos, mas o problema é ainda maior em locais onde
não se dispõe de laboratórios suficientemente equipados (10). Outro fator a ser considerado é
a alta freqüência de etiologias mistas, entre 25 e 75% dos casos em distintos estudos (11, 12).

A

217

aiepi1.P

3/20/03

218

2:05 PM

Page 218

Infecções respiratórias emcrianças

O médico que atende crianças, em conseqüência, baseia geralmente seu diagnóstico de
pneumonia bacteriana ou viral em achados clínicos, hematológicos e radiográficos, relacionandoos com fatores tais como a idade, as características do hóspede e a situação epidemiológica. Daí
que, frente a uma criança com diagnóstico presumido de pneumonia, colocam-se duas questões:
1) Determinar se o fatoretiológico do quadro é viral ou bacteriano para poder decidir a
administração ou não de antibióticos (13).
2) Qualificar o grau de severidade da doença e o aparecimento de complicações, o que
determinará a necessidade de controle ambulatorial do paciente ou mesmo seu
encaminhamento a um centro de internação, estabelecendo o nível de complexidade
requerido.
É importante destacar que estas ações requerem acapacitação adequada dos integrantes da
equipe de saúde no diagnóstico clínico. Além disso é imperativo analisar os fatores que
condicionam pneumonias severas com maior risco de morte. Em um estudo realizado em Papua
Nova Guiné, analisaram-se os mencionados fatores em 987 crianças internadas (14). Nos
próximos parágrafos serão abordados os aspectos clínico-terapêuticos, estabelecendo
previamentealgumas correlações fisiopatológicas que são consideradas indispensáveis para a
melhor compreensão destes problemas.

II. ETIOPATOGENIA
As pneumonias são causadas em geral por vírus e bactérias do meio ambiente. A maioria
ingressa no aparelho respiratório por via aerógena e menos freqüentemente hematogênica ou
linfática. Estes microorganismos são transmitidos de pessoa a pessoa a partir desecreções
respiratórias contaminadas ou por micro aspiração de germes que colonizam a rinofaringe do
próprio indivíduo (15)
A flora normal está constituída por numerosas bactérias aeróbicas e anaeróbicas Gram-positivas
e Gram-negativas. Predominam os Streptococcus pneumoniae, Haemophilus influenzae não
encapsulado, Staphylococcus aureus, Branmhamella catarralis, Streptococcus sp. e os
anaeróbicos...
tracking img