11º ano clonagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1817 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de março de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
A ciência, o poder e os riscos Filosofia 11º

A Ciência, ooPoder eeos Riscos A Ciência, Poder os Riscos

Diana Sofia Nº 12 11ºC - 2006/07 Prof. Idália Carrasqueiras

A ciência, o poder e os riscos Filosofia 11º

Sabemos muita coisa

(Vídeo com informação científica)

A ciência, o poder e os riscos Filosofia 11º

Chegámos muito longe

(Vídeo com os momentos da chegada do Homem àLua)

A ciência, o poder e os riscos Filosofia 11º

Mas… estaremos a fazer bem?

(Vídeo com informação sobre as consequências perigosas sobre as nossas acções)

A ciência, o poder e os riscos Filosofia 11º

introdução
Neste trabalho pretendo reflectir sobre o poder e os riscos que a tecnociência tem levantado ao Homem e à sociedade em que vivemos e também sobre a necessidade de umacordo entre a ciência e a ética.

Tenho o objectivo de demonstrar que… Estamos perante uma sociedade tecnocientífica, muito dependente da informação e da evolução da ciência nas mais diversas áreas.

A ciência, o poder e os riscos Filosofia 11º

A ciência e a técnica (1)
A ciência e a técnica, desde o século XVII, permitiram à humanidade realizar enormes progressos no controlo e exploraçãoda Natureza. Muitas das suas aplicações foram benéficas minorando o sofrimento humano e melhorando o seu mundo se forma a que o Homem se sentisse cada vez melhor.

Por outro lado, contribuíram também para aumentar a capacidade destrutiva de aparelhos militares ou a degradação da vida na Terra.

A ciência, o poder e os riscos Filosofia 11º

A ciência e a técnica (2)
O desenvolvimentocientífico e tecnológico teve início após a deflagração dos engenhos atómicos em Heroshima e Nagasaki.
A ciência e a técnica são consideradas neutrais pois sustentam o A ciência e a técnica são consideradas neutrais pois sustentam o princípio de que o cientista deve: princípio de que o cientista deve: ““ Descobrir tudo o que pode ser descoberto. Experimentar tudo Descobrir tudo o que pode ser descoberto.Experimentar tudo que pode ser experimentado.” (Carlos Fontes) que pode ser experimentado.” (Carlos Fontes)

Porém, no século XX, muitas descobertas e Porém, no século XX, muitas descobertas e experiências levadas a cabo, mostram que não experiências levadas a cabo, mostram que não era possível continuar a sustentar o princípio da era possível continuar a sustentar o princípio da neutralidadeda ciência e a técnica: neutralidade da ciência e a técnica: -- A ciência e a técnica estão, nos dias de hoje, A ciência e a técnica estão, nos dias de hoje, em muitos domínios, claramente ao serviço de em muitos domínios, claramente ao serviço de estratégias do poder de multinacionais; estratégias do poder de multinacionais; -- As experiências científicas realizadas durante a As experiênciascientíficas realizadas durante a 2ª Guerra Mundial, nos campos de concentração 2ª Guerra Mundial, nos campos de concentração alemães assumiram formas condenáveis e estão alemães assumiram formas condenáveis e estão longe de constituírem casos isolados. longe de constituírem casos isolados.

Estes acontecimentos foram decisivos e despertaram a consciência da comunidade mundial de cientistas, políticos,técnicos e filósofos para o maior problema que a humanidade enfrenta no final do século XX: o desenvolvimento tecnológico irresponsável e incontrolado.

(Mª do Rosário Carneiro)

A ciência, o poder e os riscos Filosofia 11º

A Tecnociência
A tecnologia está cada vez mais presente e poderosa nas nossas vidas, tornando-nos muito dependentes dela. Esta tem contribuído para o desenvolvimentoda nossa civilização bem como para o seu bemestar e qualidade de vida. Neste momento não nos conseguimos imaginar a viver sem ela. Após o impacto das bombas atómicas de Hiroshima e Nagasaki, a comunidade científica deparou-se com a necessidade de distinguir ciência e tecnologia.

A ciência consiste num “conjunto de verdades”, logicamente encadeadas entre si, de modo a fornecer um sistema...