Ética valores

Páginas: 17 (4226 palavras) Publicado: 15 de junho de 2011
Política e valores.


Em nosso tempo, em especial no Brasil, existe grande confusão entre o campo ético e o moral. A falta de clareza conduz a situações aparentemente sem saída. Há na fala cotidiana e na política uma passagem ambigüa e pouco justificada entre a ética e a moral. Omais comum é se imaginar que a primeira possui caráter imperativo, como se ela reunisse uma tábua de valores e normas a serem aplicadas aos casos particulares surgidos na vida cotidiana. De modo semelhante, dá-se à moral um estatuto rígido, como se ela estivesse vinculada aos campos mais restritivos dos juízos comportamentais.

A ética surgiu na Grécia e integra a doutrina geral da virtude.Ela constitui um fato coletivo e reúne as práticas hoje distantes, mas na Grécia antiga conexas, da economia (o correto uso dos recursos dos lares e a adequada gestão dos meios e riquezas comuns à família, pois a raiz oikos recolhe o sentido mais geral e mais antigo do vocábulo), da política (definindo-se esta prática como um prolongamento da economia, pois agora trata-se de bem ordenar a riquezae a pobreza da cidade/Estado, levando-se em conta tudo o que se relaciona, neste âmbito, com os negócios da polis). Finalmente, temos a retórica, o modo pelo qual devem os cidadãos dirigirem suas falas à assembléia na defesa de pontos de vista estratégicos, quando se tratava da guerra, interesses grupais ou jurídicos. Se a economia e a política precisavam ser pensadas em campos fixos, permanentes,a retórica, pelo contrário, tinha o privilégio da instabilidade. A palavra que origina o termo retórica (rhein) indica justamente o que flui, o que não encontra obstáculos fixos à sua operação. Se a riqueza econômica e o bem público só poderiam ser tratados dentro de limites fixos, pois eles eram a substância estável, permanente, a substância (ousia) do coletivo, a palavra dos cidadãos, sempreinstável e polimorfa, não podia receber limites na assembléia ou nos tribunais. Ser livre, na Grécia, significa possuir o direito de falar sem obstáculos físicos ou espirituais. Uma das virtudes políticas por excelência era a parrhesia, a fala sem amarras, concedida apenas aos cidadãos livres .

Quem tinha o costume de tratar as coisas públicas, adquiria as referidas “virtudes”, sendo nelastreinado desde o final da infância. Deste modo, agir segundo os padrões definidos pela cidade, nas assembléias guerreiras ou pacíficas, ou nos tribunais, tornava-se algo “natural”, feito sem maior esforço da mente ou da vontade, algo automático. A esta forma de agir em coletividade, adquirida e operada sem muitas reflexões é o que se definia como hexis, o hábito, o costume, donde a palavra “ética”. Apolítica, a economia, a retórica, todos estes prismas da vida grega, reunidas sob o vocábulo hexis, existiam como uma realidade visível. Nada era passível de ser escondido dos olhos cidadãos. Os atos virtuosos eram praticados na assembléia e nas praças públicas, nos campos de treinamento e nas guerras. O exemplo visível possibilitaria a imitação, a mimesis, dos atos e falas livres. Aprender acidadania era um treino do olhar e dos gestos, que deveriam repetir o modelo, o paradigma proposto para ser obedecido e seguido. “Paradigma” na lingua grega antiga liga-se a deiknumi, cujo sentido em grego é “mostrar”, “indicar”. Quando acrescido da partícula para, significa “mostrar, fornecer um modelo”. A raíz deik, refere-se ao ato de mostrar mediante a palavra, mostrar o que deve ser seguido.Daí na noção de paradigma ser estratégica a união com a palavra dike, a lei, a regra.

A idéia da publicidade da lei, ainda hoje imperante em nossa vida política, surge daí. A lei, o modelo ou paradigma, era esculpida em caracteres grandes e posta diante do olhar de todos, para que ninguem a ignorasse. A cultura grega é essencialmente um exercício do olhar. Donde as palavras que até hoje...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Ética e valores
  • Ética e valor
  • Valores E Etica
  • ética e valores
  • Valores e etica
  • vALORES DA ÉTICA
  • éticas e valores
  • Ética contextual, ética relativa e ética dos valores

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!